12 outubro 2012

Rio de Janeiro - Prainha: Mais uma praia brasileira a hastear a Bandeira Azul em suas areias


Mais uma praia brasileira hasteará a Bandeira Azul em suas areias. A certificação, mundialmente reconhecida como sinônimo de preservação de costas marinha foi concedida à Prainha, um reduto do surf no Rio de Janeiro. Com a inclusão, o país conta agora com duas praias e uma marina certificadas pelo programa.

Vista do Restaurante Mirante da Prainha

O Júri Internacional do Programa Bandeira Azul, reunido no dia 28 de setembro de 2012, em Copenhagen (Dinamarca), divulgou a certificação após analisar as candidaturas de praias e marinas do Hemisfério Sul, temporada 2012/2013. Todos os três candidatos inscritos pelo Brasil foram aprovados. São eles: a Praia do Tombo (Guarujá/SP) e a Marina Costabella (Angra dos Reis/RJ), que recebem a certificação pelo terceiro ano consecutivo, e a Prainha (Rio de Janeiro/RJ), pela primeira vez.
O Programa Bandeira Azul, que já certificou mais de 3,8 mil praias e marinas em 46 países, é um selo de caráter socioambiental amplamente reconhecido em todo mundo. Para obtê-lo, é preciso atender a 33 critérios estabelecidos, tais como educação e informação ambiental; qualidade da água de banho; gestão ambiental; segurança e serviços. A certificação existe, no mundo, há 25 anos. No Brasil, chegou em 2006.
A coordenadora do Programa Bandeira Azul no Brasil, Leana Bernardi, do Instituto Ambiental Ratones, explica que a ação tem o objetivo de elevar o grau de conscientização da sociedade sobre a necessidade de se proteger o ambiente marinho e costeiro.
O Bandeira Azul é desenvolvido pela Organização Não-Governamental Internacional Fundação para a Educação Ambiental (FEE) e tem o Ministério do Turismo como integrante do júri nacional.
Fonte: MTur

Prainha

Praia preferida dos surfistas, a Prainha chama a atenção pelas boas ondas e pela beleza natural. Uma das mais belas praias da cidade do Rio de Janeiro possui estreita faixa de areia, com 700 metros de extensão e fica protegida entre o Maciço da Pedra Branca e o Oceano Atlântico. Vizinha a praia de Grumari, é margeada pela Avenida Estado da Guanabara, sendo esta a única via de acesso a praia, percorrendo toda sua extensão. A área faz parte da APA - Área de Proteção Ambiental Prainha, uma área florestal de proteção permanente, sendo assim, vedada a construção de qualquer construção, além das estruturas já existentes que servem para a manutenção da área e serviço aos frequentadores, em especial surfistas.
Vale a pena chegar cedo para aproveitar o sol, que se esconde atrás das montanhas no meio da tarde, e garantir estacionamento em local próximo. Nos quiosques, as pedidas são sanduíche natural, suco e açaí.



No Mirante da Prainha



Ao sair da praia ou mesmo somente para um passeio, vá ao Restaurante Mirante da Prainha que fica logo após a praia e de onde se tem um visual fantástico. É um lugar rústico com mesas debruçadas para o mar e com vista para as montanhas e para as praias do Recreio e Barra da Tijuca. Para quem procura um restaurante ou bar com vista para o mar e para a praia no Rio de Janeiro, o Mirante da Prainha é uma das melhores opções. O restaurante se mistura com o visual da praia e da montanha sem comprometê-lo.


Paola no Mirante 

A especialidade são peixes servidos inteiros assados ou na brasa e petiscos com frutos do mar. O preço não é modesto, ficando em torno de R$50,00 para duas pessoas. É necessário ter paciência com o atendimento, principalmente durante o verão.
Apesar de a comida estar longe de merecer recomendação e de o restaurante não aceitar cartões de crédito, o grande trunfo, que é a localização, faz com que seja um lugar bastante concorrido, por isso, dê uma passadinha antes de fincar sua barraca e deixe sua mesa reservada. Lembre-se, o ponto forte do restaurante é o visual, então escolha a mesa que vai lhe oferecer melhor visão do que a natureza tem para oferecer, e não é pouco!
No final da tarde os mosquitos incomodam bastante. Recomendo levar repelente.
O Restaurante Mirante da Prainha fica na Av. Estado da Guanabara, 6.889, Grumari, Rio de Janeiro.